MENU

29 de outubro de 2014 - 14:572014, F1

Um pouco dono de Maranello

Curitiba -  Deseja ter uma parte da Ferrari? A hora é agora. Nesta quarta-feira (29), o Grupo Fiat-Chrysler anunciou que vai desmembrar a icônica marca italiana e colocar no mercado 10% de suas ações. A manobra faz parte de um ambicioso plano de crescimento de € 48 milhões (cerca de 135 mi) da fábrica de Maranello.

Sétima maior montadora do planeta, o conselho da empresa italiana deseja completar a divisão no próximo ano. Ainda assim, Fiat Chrysler e a família Agnelli ainda vão deter 90% das ações ferraristas.
F1 Grand Prix of Japan - Qualifying
“À medida que avançamos para garantir que o plano de negócios 2014-2018 e trabalhamos ainda para maximizar o valor dos nossos negócios para os nossos acionistas, é apropriado buscarmos caminhos separados para a Fiat e a Ferrari”, disse Sergio Marchionne, diretor-executivo do Grupo Fiat Chrysler e da própria Ferrari, desde que assumiu o cargo que foi por 23 anos de Luca di Montezemolo.

E esses caminhos separados também devem render um comando diferente na Ferrari. A ver. O fato é que a equipe passa por profundas mudanças e vive uma transição interessante, que vai afetar e muito a equipe da F1. Aí entra a pergunta, se você assumisse a Ferrari das pistas do Mundial, o que faria primeiro?

1 comentário

  1. Gustavo Oliveira disse:

    Faria uma parceria com alguma marca de eletro domésticos e lançaria um aspirador de pó inspirado na F1 4T, antes que mais alguém o faça!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>